• Diretas OAB

Esclarecimentos sobre nossas publicações.

Prezados colegas advogados e advogadas da Subseção de Joinville,


Foi com surpresa e indignação que a chapa 102 – OAB PLURAL recebeu a acusação de que divulgou a peça inicial da impugnação da candidata a presidente da chapa 101; que a 102 usa da identidade de Eder Lana para lançar dúvidas levianas sobre a elegibilidade da líder da 101; que a candidata da 101 patrocina mais de 3 mil ações judiciais; e que o teor da representação é falso.


A chapa 102 OAB PLURAL não veiculou o teor da impugnação, apenas comunicou a existência dela, fazendo questão de registrar que espera um processo justo e célere.


A nota pode ser conferida aqui: https://www.oabplural.com.br/blog/impugna%C3%A7%C3%A3o


O singelo texto objeto da indignação da Chapa 101, além de publicada no Facebook, também foi disponibilizado no site que gerencia o envio automático aos advogados previamente cadastrados que possuem interesse no processo democrático na Subseção.


A chapa 102 não tem nenhuma vinculação com o autor da impugnação, o qual também denunciou o descalabro ocorrido na recente votação da lista sêxtupla da OAB-SC, fato este que causou a divisão do Conselho Estadual e a renúncia do conselheiro de Joinville, Dr. Leandro Gornick Nunes. Vale lembrar, que na ocasião da escolha da 83º lista sêxtupla da OAB-SC o candidato à vice-presidência da Chapa 101 votou no candidato sem o requisito objetivo de 10 anos de advocacia, equivoco que foi contornado pelo Judiciário. Porém, infelizmente até o momento esta vaga ainda não foi ocupada, deixando a representação da advocacia no Tribunal de Justiça desfalcada.


Por fim, com relação ao comunicado da chapa situacionista e considerando que a sua líder patrocina mais de 3 mil ações judiciais, por certo nenhuma dificuldade terá em demonstrar que praticou apenas cinco atos privativos de advogada em cada um dos últimos cinco anos.

A Chapa estadual 82 responde à impugnação protocolada pela Chapa 81 pelos mesmos fundamentos da impugnação apresentada contra a Chapa 101 (Joinville). Acreditamos que a Comissão Eleitoral dará ao caso a solução isonômica a ambas as impugnações.


A OAB PLURAL rechaça veementemente as levianas acusações feitas pela Chapa 101, cujo objetivo é desviar a atenção dos advogados de Joinville, Garuva e Itapoá dos fundamentos alegados na impugnação.


Temos que o processo democrático serve para discussão de ideias e que velhas práticas do “Estado do compadrio” devem ser banidas da OAB. Já foi o tempo que o abandono do patrimônio da Ordem poderia ser feito sem qualquer pudor ou repreenda.


Todo episódio demonstra a necessidade de reformulação das escolhas da OAB, sejam para as eleições ordinárias como para escolha do quinto constitucional, o que será objeto de uma nova mensagem da OAB PLURAL.


A Chapa 102 agradece o crescente apoio que vem recebendo das advogadas e advogados de Joinville, Garuva e Itapoá e reafirma seu compromisso de buscar uma OAB mais plural e para todos e todas.


Agradecemos aqueles que nos acompanham pela fanpage (fb.com/oabplural) e site (www.oabplural.com.br), acrescentando que continuarão recebendo informações para o pleno exercício do direito de voto.


Chapa 102 – OAB PLURAL.

433 visualizações

(47) 99211-2102

©2018-2020 por OAB PLURAL