PROPOSTAS

Veja o que propomos para a OAB Joinville

Institucional

  • Integração da advocacia “POR UMA OAB MAIS PLURAL”;


  • Conquistar o protagonismo da OAB Joinville junto à sociedade;


  • Transparência absoluta: divulgação do balancete mensal;


  • Valorização e defesa das prerrogativas da Advocacia perante ao judiciário e à sociedade;


  • Desenvolvimento de políticas de inclusão da advogada;


  • Programa contínuo de valorização da advocacia;


  • Administração transparente com participação dos advogados/as no planejamento estratégico da Subseção;


  • Assembleia anual dos/as advogados/as para temas relevantes da advocacia e da sociedade e com adequação do plano estratégico integrado;


  • Não reeleição;


  • Realização da feijoada anual da OAB Joinville;


  • WhatsApp com o Presidente;


  • Revista digital;


  • Criar aplicativo “Defesa das prerrogativas OAB Joinville”;


  • Ação conjunta com o Judiciário na busca da agilização da tutela jurisdicional, através da criação de Comissão para realização de estudos e implementação de medidas concretas visando a melhoria das relações entre advogados/as e servidores/as do Poder Judiciário, buscando aproximação com a administração dos tribunais e com as entidades de classe;



  • Buscar junto à OAB Estadual e a CAASC a construção da sede social/recreativa para que os advogados joinvilenses possam ter um espaço para a prática de seu esporte favorito, lazer e espaço para eventos em família. Sem menosprezar a realização de um estudo da viabilidade técnica e econômica, evitando que o prejuízo das gestões passadas com o abandono e perda de toda a infraestrutura construída na antiga sede recreativa seja repetido, pois pensando o passado, compreendemos o presente e idealizaremos um futuro de sucesso para a advocacia joinvilense; 


  • Repactuar as verbas distribuídas entre as Subseções, defendendo a importância da 9º Subseção;


  • Abrir as portas da OAB Joinville para organizações sociais e coletivos;


  • Atuar para melhoria das instalações do Fórum, participar e apoiar os integrantes da Justiça Federal na construção da sua nova sede;


  • Aprimorar o jovem advogado para sua integração rápida ao mercado de trabalho e assessoramento no desenvolvimento profissional;


  • Criação do núcleo de sociedades de advogados, com objetivo do desenvolvimento administrativo e estratégico;


  • Fiscalização da captação indevida de clientes e fiscalização do exercício irregular da profissão.

Gestão Profissional

  • Criação nos primeiros seis (6) meses da gestão do primeiro planejamento estratégico integrado de toda Advocacia Joinvilense;


  • Desenvolvimento do plenário virtual permanente para temas relevantes para debate e exposição de ideias;


  • Controle de desperdícios no prédio da subseção e suas salas e utilização de material de expediente reciclado e sustentável;


  • Redução do número de estagiários/as na sede da Subseção de Joinville, possibilitando a readequação dos/as funcionários/as da Subseção garantindo remuneração justa aos colaboradores com ampliação das funções e competência, com qualificação técnica do corpo, criando cargo de gestor administrativo da Subseção e consultor das comissões de estudo e assessoramento;


  • Priorizar a contratação de pessoas, respeitando a diversidade (gênero, raça, classe, pessoas com deficiência, etc).

Econômicas

  • Pleitear a isenção do imposto sobre a remuneração dos advogados credenciados nos Convênios de Assistência Judiciária celebrados com a Defensoria Pública;


  • Lutar para que o princípio da tabela mínima de honorários seja incorporado ao texto da Lei 8.906/94;


  • Criar movimento estadual para que a tabela de honorários advocatícios do convênio da defensoria seja igualada aos vencimentos dos defensores públicos de forma proporcional ou que a tabela da OAB/SC seja respeitada pelo convênio;


  • Fiscalizar as causas absorvidas pela Defensoria Pública, evitando que demandas com proveito positivo sejam encampadas, para que os contribuintes catarinenses tenham controle dos recursos remetidos à Defensoria Pública Estadual, em especial para que sejam aplicados apenas em prol dos mais necessitados;


  • Lutar pela manutenção da isenção da distribuição de lucros para sociedade unipessoal e para sociedade de advogados;


  • Garantir que a participação dos/as conselheiros/as estaduais e dos/as advogados/as em reuniões do Conselho Estadual possa ser realizada por videoconferência, diminuindo os custos com hospedagem e deslocamento, facilitando a participação do/a advogado/a e aumentando a representatividade da Subseção nas decisões da seccional;


  • Redução proporcional das taxas de registro e averbação das sociedades pessoais e de advogados na medida do porte, respeitando os princípios da Lei 123/06 e isenção das certidões aos advogados.

Comissões

  • Reorganização e fortalecimento das comissões com uma gestão profissional, designando consultor/a para assessoramento, identificando a missão, metas e criação do planejamento estratégico da comissão, nos moldes aplicados pelas associações empresariais de Joinville em seus núcleos setoriais desde 1991;


  • Viabilizar a participação de um integrante de cada comissão da Subseção na respectiva comissão estadual, dando suporte para que as reuniões na seccional sejam realizadas por videoconferência, evitando o deslocamento para a capital, situação que inviabiliza a efetiva participação dos representantes do interior: seja pelo tempo como pelo custo do deslocamento;


  • Criar a reunião mensal “Inter-comissões”, a fim de otimizar a conexão, possibilitar ações coletivas e unificar a classe de advogados/as;


  • Realizar pelo menos 03 (três) colégios de presidentes das comissões de estudo e assessoramento por exercício, com discussão e definição do orçamento participativo dos recursos destinados às comissões;


  • Incentivo à capacitação dos membros das comissões;


  • Recriar a Comissão da Moralidade Pública, incluindo em suas atribuições o controle externo independente, com o acompanhamento das licitações e verificação do cumprimento dos contratos celebrados pela administração pública dos municípios de Joinville, Garuva e Itapoá.


Comunicação

Comunicação:


  • Transmissão das reuniões abertas do Conselho da Subseção pelas mídias sociais;


  • Cursos e palestras on-line gratuitas pelo site da Subseção;


  • Instalação de Wi-Fi no Fórum da Comarca de Garuva;

Questão Prisional

Questão prisional:


  • Aproximação dos órgãos e autoridades de administração prisional;


  • Instalação de interfones em todos os parlatórios do Presídio Regional de Joinville;


  • Pavimentação do estacionamento para advogados no Presídio Regional de Joinville.​

Inclusivas

Inclusivas:

  • Valorizar e defender as prerrogativas das mulheres advogadas;


  • Criar comissão permanente de estudos de violência de gênero;


  • Criar comissão permanente da igualdade racial;


  • Apoiar ações institucionais voltadas à saúde, esporte e bem-estar da mulher advogada;


  • Criar mecanismos de maior participação dos/das jovens advogados/as e da advocacia feminina;


  • Criar meios de proteção e mecanismos de aperfeiçoamento profissional às advogadas da terceira idade;


  • Proporcionar educação jurídica sobre igualdade de gênero e interseccionalidade com outros marcadores sociais na advocacia;


  • Criar proposta para desconto de anuidade e/ou isenção às advogadas gestantes, parturientes e que adotaram crianças, e divulgar as atuais políticas fomentadas pela CAASC;


  • Criar mecanismos de fiscalização junto aos órgãos públicos a fim de garantir acessibilidade aos/as advogados/as com deficiência;

Desenvolvimento Profissional

Desenvolvimento profissional:


  • OAB Atualiza: Programa quinzenal de atualização gratuita de advogados/as, com exposições quinzenais gratuitas sobre temas/leis/decisões recentes com tempo de 40 minutos e abertura para debate; 


  • Buscar outras fontes de formação de advogados/as mediante a convênios com diversas instituições jurídicas, como IBIJUS e IASP;


  • Busca de convênios específicos OAB Joinville com empresas de softwares jurídicos e startups locais; 


  • Criar canal de comunicação entre OAB e universidades;


  • Convênios com universidades e faculdades para cursos em geral e pós-graduação.

Jovem Advocacia

JOVEM ADVOCACIA:


  • Implementar projeto “Meu primeiro escritório”;


  • Tornar a comissão do jovem advogado protagonista na definição das políticas da subseção no desenvolvimento e apoio ao jovem advogado;


  • Realizar pesquisa anual a fim de constatar as dificuldades enfrentadas pelos/as os/as jovens advogados e realizar ações compartilhadas de apoio e incentivo.

Quer contribuir com as nossas propostas?

(47) 99211-2102

©2018-2020 por OAB PLURAL